Embraer e Boeing farão pesquisas em biocombustível no Brasil

Centro Conjunto de Pesquisa na área de Biocombustíveis deve ser instalado no Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP)

As fabricantes de aviões Boeing e Embraer anunciaram nesta segunda-feira que abrirão um centro de pesquisa conjunto para o desenvolvimento de tecnologias de biocombustíveis sustentáveis para a aviação. O Centro Conjunto de Pesquisa na área de Biocombustíveis deve ser instalado no Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP).

boeing embra

De acordo com o memorando de entendimento assinado pelas empresas, serão realizadas pesquisas conjuntas na área de biocombustíveis e as empresas financiarão estudos com universidades brasileiras e outras instituições. O objetivo das pesquisas é desenvolver tecnologias de biocombustíveis sustentáveis para a aviação no Brasil, como a produção de matérias-primas e tecnologias de processamento.

O biocombustível de aviação emite de 50% a 80% menos dióxido de carbono ao longo de seu ciclo de vida do que o combustível de aviação à base de petróleo, segundo as empresas.

“A Boeing trabalha com muito empenho em todo mundo para expandir o fornecimento de biocombustível sustentável para aviação e reduzir as emissões de carbono da indústria”, afirma Julie Felgar, diretora executiva de Estratégia e Integração Ambiental da Boeing Aviação Comercial.

“O Brasil tem tradição na área de combustíveis alternativos, além de possuir um enorme potencial a ser explorado na pesquisa em bioenergia”, diz Mauro Kern, vice-presidente executivo de engenharia e tecnologia da Embraer.

O projeto ainda deve ser estruturado pelas duas empresas por meio de um Acordo de Colaboração. Também há a possibilidade de outras companhias e instituições participaram das atividades de pesquisa e desenvolvimento.

fonte: Terra Brasil (matéria na íntegra)

, , , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: